UsadosBR – Classificado de Carros em todo o Brasil

Venda de motos cresce e pode fechar o ano em alta

A venda de motos segue em alta no Brasil. Com o preço dos combustíveis nas alturas e a demanda por serviços de delivery, as pessoas estão optando por se locomover em um veículo individual e mais barato. 

De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), a expectativa é de que as vendas cresçam em 22,9% esse ano, mais do que os 16,2% previstos no mês de julho e os 17,7% previstos em janeiro. 

“O preço do combustível tem pesado bastante e a moto acaba sendo uma opção mais barata. Além disso, a demanda por compras delivery aumentou bastante. Por fim, as pessoas estão optando por se locomover em veículo individual, em vez de ir para o trabalho de ônibus ou metrô”, explica Carlos Porto, vice-presidente de motocicletas da entidade.

As melhores ofertas de motos novas e seminovas estão no Usadosbr

No entanto, a falta de componentes também afetou a venda de motos no Brasil. Segundo Porto, o consumidor tem esperado entre 60 e 90 dias por uma motocicleta 0 km. 

Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave, conta que a falta de veículos novos, em função da escassez de componentes na indústria, é um fenômeno global, que atinge outros países, como os Estados Unidos, por exemplo. “Vivemos, hoje, possivelmente, o ponto mais crítico dessa crise de abastecimento de veículos, mas acredito que, nos primeiros meses de 2022, teremos uma clareza maior sobre a resolução do problema”, ressalta.

Gostou do nosso conteúdo? Nos acompanhe também em nossas redes sociais:

Facebook (facebook.com/usadosbr)
Instagram (
instagram.com/usadosbr)
YouTube (
youtube.com/usadosbr)
LinkedIn (
linkedin.com/company/usadosbr)
Revista Usadosbr (
blog.usadosbr.com)

Sair da versão mobile